segunda-feira, 27 de maio de 2013

ENQUANTO HÁ TEMPO

Abraço. Eu me lembro que aprendi o verdadeiro significado dessa palavra quando ganhei como um presente, o abraço mais sincero de toda a minha vida. Aquele abraço me revigorava a alma, me fazia leve quando as coisas pareciam pesadas demais... e eu aprendi, com você madrinha, que a gente deve distribuir esse abraço pra quem a  gente ama enquanto há tempo.
 Pois é engraçado, como um simples ato pode mudar um dia ou toda uma vida de uma pessoa. É de graça e por isso é valioso, porque tudo que é de graça é dado de forma sincera. E ainda tem gente que acha que pode comprar o mundo com dinheiro, pois não pode, o dinheiro serve para comprar coisas, pessoas e mentiras, serve para sobrevivermos, não para vivermos, não compra amor, não compra sinceridade.
  Por isso abrace quem você ama de verdade, abrace quem está com a alma cansada, abrace para se sentir bem, mas principalmente, abrace enquanto há tempo.



Ps.: Esse post é dedicado há minha madrinha de crisma, que me viu crescer e cuidou de mim quando precisei, que por muitas vezes foi uma mãe, uma avó e uma amiga  para mim, mas principalmente, que me ensinou o quão valioso pode ser o abraço de alguém que nos quer bem.Obrigada Madrinha, sei que mesmo ai de cima, nunca deixou de olhar por nós. Saudades imensas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário