quinta-feira, 9 de julho de 2009

A arte de odiar POrtas!

Isso mesmo,volta e meia sinto uma vontade enorme de tornar-me uma incalculável assassina de portas!Sim,sair por ai destruindo qualquer porta a frente,até que não reste nada além de pó.
Bum!Nheec!click! Elas se fecham!
E você se pergunta:Por quê?Não sou boa o suficiente?
E então a dúvida começa a te azucrinar os ouvidos, e você nem sabe o porquê.
O que te resta?Se afundar no sorvete?Mera iluzão calórica,é como colocar colheradas a mais de capuccino em água quente e se deslumbrar com a perfeita cremosidade e doçura dos primeiros goles,mas após alguns outros,você percebe que o encanto acabou e que precisa de uma boa academia.
Portas,portas e portas,imagino que enquanto uma se abre outra se fecha,o problema é o "sortudo" que está atrás desta.
A solução para tudo isso?HAha simples caro leitor,arranque todas as portas,derrube-as,não deixe que elas o intimidem!Essas finas barreiras não podem separar ninguém de seus verdadeiros sonhos!Então quando uma porta se fechar a sua frente,acerte-a com muita vontade.E chegue lá,afinal,as pessoas que batem a porta na sua cara,certamente não estão nem ai para você.
Escrito por Thais Yano.

5 comentários:

  1. É isso aí ;)
    Se uma porta não abre, insista, derrube-a! se mesmo assim não der, vai para outra. Se a vida não te deiu muitas portas, Crie a sua! ;)
    =)
    bjão^^

    ResponderExcluir
  2. Se a porta nao abrir, pule a janela!!!!
    Só não pode ficar parada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Demais! É assim mesmo... Inúmeras portas estão em nosso caminho, algumas abrem com facilidade, outras emperram... Aff. O que fazer? Nunca desistir, pois com certeza há algum meio de abrí-la, ou até mesmo derrubá-la.
    Adorei.
    Bj

    ResponderExcluir
  4. Opa, depois dessa vou comprar uma marreta pra mim =D

    ResponderExcluir